Roteiro para o Atacama: 5 dias no Deserto

Chegamos em Calama e, ao sair do aeroporto, me senti abraçada por um vento gelado que nos fez lembrar de vestir os casacos. Ao cobrirmos nossos corpos, imediatamente, uma sensação de conforto e aconchego tomou conta de cada um. Como se o deserto tivesse nos dado boas vindas. Apresentou-se, mostrou sua face e nos convidou para ficar. A proposta?! Irrecusável! Uma bela lua cheia que começava a se insinuar, um pôr do sol de te deixar incapaz de raciocinar com coerência e a descoberta de um cenário que só ao vivo você é capaz de entender o quão bonito é! Esse foi o começo de nosso roteiro para o Atacama!

Roteiro para o Atacama - 5 dias no Deserto mais árido do mundo - chile - san pedro de atacama - passeios - por do sol em calama
Calama – Sendo muito bem recepcionados.
Roteiro para o Atacama – Aqui vamos detalhar para vocês exatamente o que fizemos, com sugestões para que você consiga adaptar tudo isso às suas necessidades.

3 voos, 1 transporte terrestre, uma dose considerável de sono e cansaço físico. Eu poderia estar dormindo, ao menos por enquanto, mas sou incapaz de tirar os olhos dos vidros do veículo. Um céu totalmente estrelado e um solo encoberto de “nada “. Desertos são lugares intrigantes. Hipnotizantes. Te fazem se sentir sozinho no imenso.

 

“Atacama, eu prometo me comportar bem na tua casa. Adaptar meu corpo a seus limites. Prometo ser uma boa visitante. Vou fazer de tudo para que você sempre me queira por aqui, pois sim, já penso em voltar.”

 

O nosso roteiro para o Atacama e seus passeios

Os passeios de nosso roteiro para o Atacama foram organizados levando sempre em consideração a aclimatação. A ajuda dos meninos da agência 123Andes foi de grande valia. Acredito que toda agência faça algo parecido, a menos que você venha de “pontos altos” (como, por exemplo, ter feito a travessia do Salar antes de chegar aqui). Nesse caso não há tanta preocupação com altitude.

Quer 10% de desconto na 123Andes? Mande um e-mail para nós: contato@levesemdestino.com!

 

Os passeios inclusos  em nosso roteiro para o Atacama (prioridade: aclimatação):

1º dia: 2300 metros de altitude – Laguna Cejar (período da tarde) –  tiramos a manhã para procurar a agência que faríamos os passeios, fazer câmbio e conhecer a famosa Caracoles  – Cidadezinha que muito me lembrou São Jorge;

2º dia: 2500 metros de altitude – Valle De La Luna e Valle de La Muerte;

3º dia: 4300 metros de altitude – Geyser Del Tatio (manhã) e Lagunas Escondidas de Baltinache  (período da tarde – 2400 metros);

4º dia: 4000 metros de altitude – Piedras Rojas e Lagunas Altiplânicas;

5º dia: 4400 metros de altitude – Salar de Tara;

6º dia: 5592 metros de altitude – Vulcão Lascar e Tour Astronômico. 

 

 O Deserto do Atacama é considerado o mais alto e árido do mundo. Logo, cuidados básicos para não sofrer com esses 2 males (altitude e secura) são fundamentais. Aqui tem algumas dicas de remédios. Tenha sempre em mãos também o protetor solar mais forte para corpo e lábios (protetor labial), além de balm/cacau, e hidratante facial. Beba bastante água.

 


Agora puxa uma cadeira, traz seu copo e senta aí

Preciso de um espaço para ser sincera com vocês. Ao montar seu roteiro para o Atacama e fazer suas escolhas, pesquise bem. Isso tudo que fizemos beirava o insano. Ok, “quando vamos voltar lá novamente?”. Se você também tem esse pensamento e gosta mesmo é de ver tudo/fazer tudo/dormir pra quê?! Bate aqui . Agora, se você prefere escolher a dedo, não tem muitos dias por aqui ou ainda gosta de sentir a cidade/passear de bike/re-la-xar, o ideal é que você opte pelo que o que realmente tem a ver com seu perfil.

 Fizemos um roteiro de 5 dias, mas o tempo mínimo ideal (para mim) seriam 4, pois há programas MUITO bons que valem a pena o esforço para que você os faça.


Então, vamos ao que interessa:

 

1º dia: Bike pela cidade e Pukará de Quitor e/ou Valle de La Luna e Valle de La Muerte

Por estar em pontos considerados baixos e ser um passeio excelente, indico essa opção. O Valle de La Luna tem uma história parecida com o nosso Vale da Lua, na Chapada dos Veadeiros. Suas formações de areia, imensos paredões e gigantescas dunas te fazem se sentir dentro de um desenho do Papa-Léguas. Deve ser por isso que o último ponto de parada é a Pedra do Coyote…rs.

 Dica esperta: Dá para fazer os dois no mesmo dia. Acordando bem cedinho, você consegue alugar sua bike por 2000 pesos e sair pedalando rumo a essas ruínas. A entrada custa 3000 pesos e em umas 2 horas é possível ver e fotografar muita coisa. Há também a possibilidade de pedalar mais por outros pontos da região, a Camila do O Melhor mês do Ano e o Guilherme do Quero Viajar Mais fizeram isso, as dicas deles estão linkadas. Sugiro a leitura. Esse é aquele tipo de passeio B&B (bom e barato) que a gente ama!

 O passeio ao Valle de La Luna começa a tarde e termina após o pôr do sol.

 

2º dia: Lagunas Escondidas de Baltinache

Aqui cabe aquele pedido que fiz. Sinceridade? A Laguna Cejar é um dos passeios mais caros (pagamos nada menos do que 15000 pesos – 90 reais, só para ter acesso ao parque). Na minha humilde opinião, essa laguna é muito mais famosa do que bacana para banho. Nela você pode entrar na Laguna Piedra, apenas (não, a Cejar não é aberta para banho, como muitos posts no instagram te fazem acreditar que seja). Nas Lagunas escondidas há duas opções liberadas para entrada, que são a primeira e última lagunas. Se você fizer esse passeio com a 123Andes, há ainda o plus de chegar antes da “rencada”.

 

Ok, infelizmente tenho que estar atenta a uma observação. No dia que fizemos o passeio à Laguna Cejar, após deixarmos o parque, Ricardo, o melhor guia do Atacama ❤, nos levou à Laguna Tebinquiche e Ojos Del salar. Pontos que são muito, mas muito bonitos! Foi no segundo ponto que vimos uma das mais belas lua cheias das nossas vidas!! Meo Deeeeeos!! O que era aquela imensa bola dourada saindo de trás da montanha?! Ok, por esse presente extra a gente nem esperava. Demos uma sorte tremenda de estarmos ali no melhor momento!!

Mas tá, com lua ou sem, esses pontos são muito interessantes de serem visitados. Então fica a pergunta, qual devo escolher? Sinceramente amiguinho(a), eu não sei 🤔. Precisaria fazer uma votação e saber o que a maioria curte mais. Desculpa se nessa parte eu não consigo colaborar #droga.

 Não sei se me fiz entender: ambos os pontos Laguna Tebinquinche e Ojos Del salar, são “casados” com o passeio a Laguna Cejar.

 No Tripadvisor, as Lagunas Escondidas são preferência disparada.

 Se você tiver mais tempo (e o bolso forrado..rs) faça os dois passeios. 

3º dia: Piedras Rojas e Lagunas Altiplânicas

Agora que você já está razoavelmente aclimatado, pode partir para pontos mais altos. Esses passeios são aqueles mais esperados pela maioria dos viajantes do Atacama. São lindos de viver! Essas Lagunas… ainda não sou capaz de adjetivá-las. Alguém me ajuda!? 💙

 

Uma observação bem importante: Desde que aconteceu o infeliz episódio do kitesurfista brasileiro praticando a atividade para o canal Off, o acesso a Piedras Rojas está limitado. Agora, você consegue visualizá-las ao longe, a partir de um mirante. A paisagem ainda assim é belíssima. Mas nada que se compare ao que poderia ser visto de perto. Não se sabe ainda, quando o acesso a Piedras Rojas vai ser liberado. Vamos aguardando ansiosos por esse dia.

 

4° dia: Geysers Del Tatio

É até redundante dizer isso, mas a paisagem dos Geisers são diferentes de qualquer coisa que já tenhamos visto na vida. Ao chegar aqui, foi inevitável lembrar da cena do desenho do Zé Colmeia e Catatau.

 

Prepare-se para acordar BEM cedo e suportar a provável temperatura mais negativa de todo o Atacama, pois a agência deverá estar no local onde se localizam os Geisers antes mesmo do nascer do sol, que é quando as “fumaças” ficam bem fortes.  Um campo de geysers de origem vulcânica, localizado a 90 km da cidade de São Pedro. Esse programa é um must go que deve estar no seu roteiro para o Atacama não apenas por ser um ponto diferentão, mas também por ser uma experiência única. Lá você vai sentir direitinho um fenômeno muito popular, que não sei dizer se tem nome, por conta disso vou chamá-lo de choque térmico. Isso acontece quando o astro rei está nascendo. Nesse momento, a temperatura (que já está fria pra c*cet*) cai ainda mais! É rápido. Você consegue sair vivo (uffa…rs). Dura coisa de 5 minutos.

 

5° dia: Salar de Tara

Tomara que você consiga, ao menos esse tempo na região. Pois esse próximo passeio do roteiro para o Atacama te leva a pontos de belíssima imensidão – literalmente. 

Ainda pouco procurado e difundido entre as opções de passeios, mas você DEVE ser exceção a regra.  As formações rochosas do Salar de Tara formam imagens que te levam a imaginação. Perguntas do tipo: “como essas pedras se tornaram tão belas e enormes esculturas?”, são inevitáveis.

 

Pronto, esse é o roteiro para o Atacama “mínimo” que sugiro a você – 5 dias no Atacama ou nada. Tem muita coisa boa por aqui.

 

Se você tem mais tempo, faça também:

 

  Lagunas Cejar + Tebeniquiche e Ojos Del Salar (Ainda que nós tenhamos preferência pelas Lagunas Escondidas, esse passeio  é maravilhoso!)

.

Vulcão Lascar ou Cerro Toco

Não coloquei ambos como primordiais porque cada um tem seu perfil de viagem. Acredito que a grande maioria prefira se aventurar (mas nem tanto..hehehe).

 

  Tour Astronômico

Se você gosta muito de ver estrelas esse tour é uma ideia bacana. Não encheu nossos olhos, mas alguns fatores influenciaram para isso, que foram: fim do batidão de dias na região (acabou sendo no mesmo dia do Lascar, a noite, quando nossas pernas já nem respondiam mais). O tempo de permanência lá também considerei curto. Mas enfim, pesquise um pouco mais. Leia outras opiniões.

 

  Termas de Puritana

Como eu queria visitar esse lugar! Mas estava interditado devido às fortes chuvas que caíram dias antes😢. Como não tenho opinião formada (ainda, porque vou voltar..rs), deixo aqui a opinião do Fábio Pastorello, do blog Viagens Cinematográficas e da Camila do O Melhor Mês do Ano.

 

 Aldeia de Tulor

Ruínas de um antigo povoado de mais de 3000 anos. A apenas 10km de São Pedro do Atacama, o sítio arqueológico é um passeio bem interessante, mas saiba: as agências não fazem esse translado. Logo, você terá que estar motorizado(a) ou alugar uma bike para isso.

 

 Vale do Arco- íris

Formações rochosas que variam de tom de acordo com os minerais que as compõe. Saiba mais da experiência do Guilherme, do blog Quero Viajar Mais.

 


Agora, especialmente para vocês: Ricardo, o melhor Guia do Atacama

Fizemos os passeios da Laguna Cejar, Valle De La Luna/Valle de La Muerte, Lagunas Escondidas de Baltinache e Salar de Tara com o melhor guia da região: Ricardo!! Então não deixem de implorar por ele. Os outro guias eram muito bons, mas Ricardo é O CARA!

Roteiro para o Atacama - 5 dias no Deserto mais árido do mundo - chile - san pedro de atacama - passeios - o guia ricardo

 


Dicas Finais

 A melhor forma de se aproveitar bem o norte do país, sem ter que deixar de curtir MESMO é fazendo uma trip só Chile (ou ainda, só Atacama + Travessia do Salar de 4 dias – ida e volta).

 Se você já está aclimatado(a): ainda assim, não deixe de fazer os passeios de baixa altitude. São experiências fascinantes!

 Há agências mais baratas?! Sim, de todos os preços. Nós escolhemos a 123 Andes por oferecer opções de excelente custo-benefício. Muitas agências de preços menores terceirizam os passeios, com guias pouco confiáveis e atendimento ruim (além dos casos de perrengues serem maiores). Há também as que prestam serviço VIP, mas nesse caso, esteja com bala na agulha .🤑

 Cada atrativo desses que fizemos vai estar separadinho em posts específicos, que vamos linká-los aqui posteriormente. Logo, você vai saber ainda mais o que esperar de cada ponto, dessa forma pretendemos ajudá-lo a se decidir melhor (caso você precise daquela ajuda urgente, os comentários estão livres, viu? Use e abuse desse espaço).


E aí amiguinho, faltou alguma coisa?! Você precisa montar um roteiro para o Atacama menor do que esse? Tá desesperado? rsrs.. Calma, deixa aí um comentário maroto, assim nós tentamos te ajudar (e outros leitores poderão fazer o mesmo).

 Sim, a chamadinha lá em cima é real! Quer 10% de desconto nos passeios da 123Andes? Mande um e-mail para nós.

#VivaLeve


sudeste asiatico, por onde comecar - tailandia - laos febre amarela - anvisa

O Leve Sem Destino faz parte de alguns programas de afiliados, isso significa que se você fizer sua reserva através dos links parceiros encontrados abaixo, nós ganhamos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog a se manter.

 

Hospedagem | Aluguel de Carros | Seguro Viagem

Gif por Marco Martina


Mônica Rodrigues

Leonina, brasiliense de alma e coração, graduada em Administração em Comércio Exterior e apaixonada por tudo o que envolve o ramo (apesar de não atuar nele). Tem verdadeiro fascínio pelo desconhecido. Acredita que pessoas se tornam melhores ao se depararem com o externo/ diferente, o que foge da “bolha”. Se sente em paz ao viajar e carrega consigo seu namô e sua família pra onde quer que vá.

10 comentários em “Roteiro para o Atacama: 5 dias no Deserto

  • 23 de Maio de 2018 em 16:53
    Permalink

    Demais! Adoramos o roteiro, também fizemos algo parecido, mas ainda nos faltaram algumas coisas! Esperamos ter a oportunidade de voltar novamente! O lugar é sensacional né! Sem palavras pra descrever tamanha beleza.

    Resposta
  • 23 de Maio de 2018 em 12:06
    Permalink

    Tenho lido muito sobre o Atacama nos últimos dias e tenho achado tudo tão lindo! Tá dando maior vontade de ir pra lá. Ótimo esse roteiro de 4 ou 5 dias, que normalmente é o tempo que dispomos.

    Resposta
  • 22 de Maio de 2018 em 21:40
    Permalink

    Que lugar mais lindooooo!!! Adorei o roteiro, morri de encanto com as fotos, minha vontade de ir pra lá tá quase explodindo hhahah e quando for, vou considerar contratar os serviços do Ricardo, de tão bem que vocês falaram dele hahahha

    Resposta
    • 24 de Maio de 2018 em 00:56
      Permalink

      Ester, bem vinda ao clube!
      Deixe que essa vontade exploda mesmo, não a reprima! hahahahah… Prepare-se para sentir as melhores sensações do mundo! É beleza natural pra “dar com pau” aquilo ali!
      Vá, bata o pé pelo Ricardo, você não vai se arrepender! #D

      Mas antes de vc ir, nos consulte. Te passo dicas especiais. 🙂

      Beijão

      Resposta
  • 21 de Maio de 2018 em 21:21
    Permalink

    Ótimas dicas, Mônica! O Atacama é mesmo uma joia da América do Sul. Quanto ao tour astronômico, além do fato do cansaço (e de alguns tours serem melhores que outros), influencia bastante o fato de ser lua cheia, porque ai dá para ver bem menos estrelas… Na lua minguante ou crescente é sensacional!

    Resposta
    • 24 de Maio de 2018 em 00:51
      Permalink

      Bruna, obrigada. 🙂

      Sim, estávamos pra lá de exaustos mesmo. Mas a lua já estava minguante (só nos primeiros dias ela esteve cheia). Boa observação. Vou avisar outros leitores sobre isso num post específico.

      Grande abraço! 😉

      Resposta
  • 14 de Maio de 2018 em 13:26
    Permalink

    Oi Mônica,

    Que delícia ver meus artigos indicados num roteiro tão completo e bem organizado! Deu vontade de volta para o Atacama 🙂

    Falando sobre as bikes, vale muuuuito a pena reservar 1 ou 2 dias para os passeios!

    Beijos e parabéns pelo post!!

    Resposta
    • 24 de Maio de 2018 em 00:48
      Permalink

      Guilherme, que bom ver vc por aqui! heheheh

      Ahh.. Obrigada! O Quero Viajar Mais sempre nos ajuda muito qdo montamos os roteiros das nossas trips. Nada mais justo do que indicarmos quem entende do assunto. ^^

      E sim, qdo voltarmos lá quero pedalar muito. É uma experiência libertadora! Muito gostosa. 😀

      Beijão. Obrigada mais uma vez! :*

      Resposta
  • 10 de Maio de 2018 em 00:35
    Permalink

    Uau, post completão hein. Fiquei com muita vontade de conhecer a Laguna Tebinquiche e Ojos Del salar, mas adoramos as Lagunas Escondidas. Enfim, Atacama é aquele lugar que sempre dá vontade de conhecer mais coisas, né? Obrigado pela indicação.

    Resposta
    • 10 de Maio de 2018 em 10:25
      Permalink

      Fábio, obrigada! 🙂

      Ahh… esses dois lugares são tão perfeitos! E aquelas Lagunas Escondidas?! Aquelas cores…contraste do azul das águas salgadas com o marrom do deserto. Cê tá doido! <3 Difícil é dizer o que não é bonito naquele lugar! hahahaha...
      Dá vontade de conhecer tudo! Pena que o tempo sempre é insuficiente..rs.
      Imagina, vcs são 10!!

      Beijão

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *