9 motivos para você conhecer o Espírito Santo (pra ontem!)

Sim, mais um estado brasileiro esquecido por seus próprios habitantes! Uma região completa. Aqui você tem tudo o que precisa para passar dias inesquecíveis! Quer praia? Tem. Cachoeira? Tem também. Frio? Motivos para namorar degustando um bom vinho? “ Tá tendo”. Esses são alguns dos motivos para você conhecer o Espírito Santo e aposto que você nem sabia. 


Antes de te contar um pouquinho do que conhecemos no Espírito Santo, o Leve Sem Destino, orgulhosamente apresenta:

 

Pocando no Espírito Santo – 3ª Edição!

motivos para voce conhecer o espirito santo - encontro de blogueiros - capixabas na estrada - praias - serras - cachoeiras - lagoas - gastronomia - moqueca - cultura (5)

 

Um Encontro de Blogueiros que visa apresentar o Estado Capixaba para o Brasil e o mundo. Palavras de um dos idealizadores do evento, Deivson Santana, Blog Capixaba Na Estrada: “A ideia desse encontro aconteceu após comentar com alguns colegas sobre o estado e ninguém conhecer. Como assim, conhecem o mundo, mas não conhecem o Espírito Santo?”.

Soa triste ouvir isso, talvez até meio cruel.

Voltando ao tópico inicial do texto:  Espírito Santo, um dos Estados brasileiros esquecidos por quem mais deveria lembrar. Um local cheio de história, riquezas, tradições enraizadas, culinária farta e saudável; belezas naturais que agradam a todos os perfis de viajantes!


Já falei, mas sou dessas que insiste. Então, vou te mostrar 9 motivos para você conhecer o Espírito Santo:

 

 1) Praias maravilhosas e calor capaz de deixar os níveis de vitamina D nas alturas.

 

 2) Prefere um clima mais intimista e aconchegante? Outros motivos para você conhecer o Espírito Santo são as Serras onde as temperaturas giram em torno dos 12 graus (baixando ainda mais nos meses de inverno).

 

  3) Cachoeira? Diversas. Não conhecemos nenhuma ainda, mas já tô me coçando para começar a explorar ca-da u-ma.
motivos para voce conhecer o espirito santo - encontro de blogueiros - capixabas na estrada - praias - serras - cachoeiras - lagoas - gastronomia - moqueca - cultura (5)
Foto gentilmente cedida pelo Deivson, Blog Capixabas na Estrada.

 

4) Lagoas

Você já ouviu falar na Lagoa do Sirí? Não?! Então dá uma lida nas considerações do Fábio Pastorello, do Viagens Cinematográficas.

Essa é uma das diversas Lagoas. Estive nela na primeira vez que fui a Marataízes, bem no começo do nosso namoro. Lembro que fiquei totalmente encantada.

 

 5) Rios

Dentre os vários que cortam o estado, o Piraquê-Açu nos foi apresentado. Gigante, possui mais de 50 km de extensão. Falaremos mais sobre ele no Roteiro “O que fazer no Norte do Estado”

motivos para voce conhecer o espirito santo - encontro de blogueiros - capixabas na estrada - praias - serras - cachoeiras - lagoas - gastronomia - moqueca - cultura (5)

 

 6) Farta Gastronomia

Banhado pelo mar, sob forte influência de diversos povos que deram origem aos hoje habitantes, a culinária capixaba tem as cores e sabores de suas origens: indígenas, negros, portugueses, italianos, alemães e outros que participaram da construção da história capixaba.

Abaixo: Fotos do almoço oferecido no Restaurante Espaço Maresias. De lamber os beiços, “soltar os cachorros” e pedir bis! O lugar é tão sensacional que merece estar em um próximo post. Aguardem!

 

 

7) Moqueca Capixaba

O carro chefe, prato Rei, uma das maiores iguarias da culinária brasileira. Se você é louco por peixes e frutos do mar (assim como eu), a moqueca capixaba feita em sua forma mais tradicional, na panela de barro, vai te fazer refletir sobre essa demora toda que você levou para conhecer o Estado. E entender porque esse (e outros) prato é um dos grandes motivos para você conhecer o Espírito Santo!

motivos para voce conhecer o espirito santo - encontro de blogueiros - capixabas na estrada - praias - serras - cachoeiras - lagoas - gastronomia - moqueca - cultura (28)

 

 8) Preservação e Ecoturismo

Basicamente, a junção dos tópicos acima. Há a preocupação em preservar e isso é evidente nos:

Projeto Tamar;

Rios, onde estão preservados os manguezais;

Cachoeiras, que estão por todo o estado;

Entre outras tanta áreas de preservação, onde a mata atlântica reina.

 

9) Manifestação Cultural e artística

Um Estado tão cheio de raízes tradicionais, mata e tribos não poderia deixar de lado tal característica. No ES você encontra uma Vila inteira trabalhada por mãos que criam. Se depara também com tribo Guarani, pronta para te apresentar sua dança típica e contar sua história de sobrevivência.

 

Esses são apenas alguns dos motivos para você conhecer o Espírito Santo. Fica difícil reduzir um Estado tão abrangente em um único post. Mas você pode encontrar muito mais nos blogs capixabas e de quem não é capixaba, mas já “descobriu” uma terra cheia de tudo o que você precisa; com valores, por diversas vezes, mais convidativos do que o praticado em outras capitais.

“O Espírito Santo é um dos mais atraentes Estados brasileiros. Suas belezas, aliadas às tradições de índios, negros, portugueses, italianos, alemães e outros povos que participaram da construção da história capixaba, compõem um rico mosaico. Nesse cenário, o Estado se destaca por ser extremamente rico em opções turísticas, sejam de lazer, sejam de negócios.” (Fonte)


Alguns motivos para você conhecer o Espírito Santo por quem é de lá

 Perguntei aos idealizadores do Pocando e nativos, Deivson Santana e Nathana Reis, e aqui vão algumas respostas:

 

1- O que faz você ter orgulho das terras capixabas?

Deivson: As belezas naturais e gastronomia, sem dúvidas. Temos lugares lindos que nenhum outro tem. Ex: Caparaó, um lugar fantástico para quem gosta de aventuras. Santa Teresa, para quem gosta de boa culinária e história de imigrantes; fora os mais de 400 km de todos os tipos de praias.

Nathana: Essa pergunta é bem difícil de responder. Sou mineira, mas o ES me acolheu de uma forma tão especial que até acredito que sou capixaba (rsrs). Acho que o que me deixa mais orgulhosa do Estado é a gastronomia. Temos muitas influências gastronômicas: indígena, italiana, alemã etc. Do litoral à região de montanhas é possível apreciar a culinária capixaba e ter experiências incríveis, que agradam qualquer paladar!

 

2- Por que o Brasil (e o mundo) precisam conhecer o Espírito Santo?

Deivson: O Espírito Santo tem uma cultura maravilhosa. Festas tipicas sensacionais, durante o ano todo.  No inverno, principalmente, rolam muitas festividades. E como disse, nossa gastronomia é muito boa!

Nathana: O Espírito Santo não é só praia e isso surpreende as pessoas. Temos vários climas diferentes num mesmo estado. Em menos de 1h é possível mudar completamente a paisagem, o clima, a arte culinária e as atrações turísticas. Tem praia, montanha, trilha, cachoeira, dunas etc. Além de vários festivais super tradicionais nas cidades interioranas: Festival de forró, Festa da polenta, do Morango, da Colonização Italiana, alemã… E a maioria dos nossos visitantes não sabem disso! O ES possui paisagens dignas de tirar o fôlego. E uma energia tão incrível que só visitando mesmo para entender.

O que é que eu havia falado, heim?! Opinião de um nativo e uma (quase) nativa, que tomou o estado para si, chamando-o de casa. Acho que se eu pegar 10 capixabas o texto chega a ficar repetitivo, de tudo isso aí, que a gente “nem gosta”.motivos para voce conhecer o espirito santo - encontro de blogueiros - capixabas na estrada - praias - serras - cachoeiras - lagoas - gastronomia - moqueca - cultura (32)

 

Que sorte a minha…

Nem todo mundo sabe, mas Fabinho é praticamente capixaba. De pai nascido na pequena cidade de Muqui/ES e mãe que nasceu no Rio, mas se mudou para o ES aos 8 anos de idade. Seus tios, tias, avós, primos são capixabas em peso. Foi graças a ele que tive meu primeiro contato com o território. Faz 7 anos, nossa primeira viagem juntos. Dias que serão, para sempre, inapagáveis!

De lá para cá voltei 4 vezes, a última, para o Evento. Mas Fábio já tem uma longa jornada nesse solo. Vai desde criancinha.

Quando fui a primeira vez, lembro da “despretenção” que sentia. Louca por praia, só queria tomar banho de mar e relaxar, mas fui completamente fisgada pela terra e tudo isso já falado na postagem. Me joguei no mar de “toddynho” de Marataízes (tem uma cor predominantemente amarronzada por conta de um rio que deságua nele), relaxei nas águas calmas da Lagoa do Sirí, observei os pequenos caranguejos da Praia dos Castelhanos e contemplei toda a beleza esplendorosa de uma Orla capixaba, no Trajeto Marataízes – Vitória.

motivos para voce conhecer o espirito santo - encontro de blogueiros - capixabas na estrada - praias - serras - cachoeiras - lagoas - gastronomia - moqueca - cultura (32)
Praia dos Castelhanos – 2010 (4 meses de namoro) <3

Curiosidades de quem por pouco, não nasceu no Espírito Santo

Fábio é descendente de Libaneses (meu talibã ❤️)  e Italianos.

 Seus bisavós vieram fugidos do Líbano por conta da dominação otomana na 1ª Guerra Mundial. Durante os anos entre 1910 e 1940, ocorreu uma grande corrente imigratória de Sírios, turcos e libaneses para o Brasil.

 Seu pai, capixaba e sua mãe, carioca, se conheceram na cidade de Muqui.


Esses foram os 9 motivos para você conhecer o Espírito Santo! Agora vamos conferir os blogs participantes, apoio institucional e parceiros do evento:

 

Blogs Participantes da 3ª edição do ‘Pocando no ES’

 

Blogs de outros estados:

 

motivos para voce conhecer o espirito santo - encontro de blogueiros - capixabas na estrada - praias - serras - cachoeiras - lagoas - gastronomia - moqueca - cultura - pocando no espirito santo

 


sudeste asiatico, por onde comecar - tailandia - laos febre amarela - anvisa

O Leve Sem Destino faz parte de alguns programas de afiliados, isso significa que se você fizer sua reserva através dos links parceiros encontrados abaixo, nós ganhamos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog a se manter.

 

Hospedagem | Aluguel de Carros | Seguro Viagem | Chip 4G

Gif por Marco Martina


Mônica Rodrigues

Leonina, brasiliense de alma e coração, graduada em Administração em Comércio Exterior e apaixonada por tudo o que envolve o ramo (apesar de não atuar nele). Tem verdadeiro fascínio pelo desconhecido. Acredita que pessoas se tornam melhores ao se depararem com o externo/ diferente, o que foge da “bolha”. Se sente em paz ao viajar e carrega consigo seu namô e sua família pra onde quer que vá.

16 comentários em “9 motivos para você conhecer o Espírito Santo (pra ontem!)

  • Pingback: Pocando no Espírito Santo - Um final de semana em terras Capixabas - Deixa de Frescura! Blog de Viagem

  • 20 de dezembro de 2017 em 23:09
    Permalink

    Eu vou morrer perguntando o que quer dizer “pocando” e ninguém vai me responder. huahauahauahauhauhua

    Resposta
    • 27 de dezembro de 2017 em 09:26
      Permalink

      Olá Roberta! Eu confesso que nunca entendi direito, até tentaram me explicar por lá. Deixa eu tentar rsrs.

      Pocar, geralmente, é usada como uma gíria positiva que pode ter muitos e muitos significados. Exemplos: “o cara pocou na prova” – foi muito bem; “a festa está pocando” – está muito animada; “poquei” – ri muito;

      Pocar, pode ser usada também no sentido de “estourar”: A bola pocou.

      Acho que é mais ou menos isso srsrsrsrs
      😉

      Resposta
  • 16 de dezembro de 2017 em 14:52
    Permalink

    Quando eu era criança, vira e mexe passava férias aí. A primeira praia que visitei na vida foi Piúma (errrr… não é/era das mais bonitas), mas depois conheci Guarapari, Iriri, Marataízes e algumas outras cujos nomes não me lembro. Outra lembrança boa que o ES me traz é a fábrica da Garoto. Sempre que meu pai ia a Vilha Velha, voltava cheio de chocolates pra gente.
    Esse post me fez recordar muitos momentos felizes. Obrigada por isso. 🙂

    Resposta
    • 16 de dezembro de 2017 em 22:54
      Permalink

      Olá Gisele! Que bom que gostou do post. Também vou ao Espírito Santo desde pequenininho e amo aquela terra. 😉

      Resposta
  • 16 de dezembro de 2017 em 14:41
    Permalink

    Muitas qualidades para conhecer o Espirito Santo. Ainda não conheço, mas quero muito conhecer. Conheço várias pessoas de lá que amam;

    Resposta
    • 16 de dezembro de 2017 em 22:58
      Permalink

      Olá Michelle! Quando puder, conheça o Espírito Santo! Prometo que você não vai se arrepender! 😉

      Resposta
  • 13 de dezembro de 2017 em 00:38
    Permalink

    Adorei os motivos de numero 5 e 6. Amo rios e gastronomia. Uma moqueca capixaba deve ser muito bom.

    Resposta
    • 16 de dezembro de 2017 em 23:00
      Permalink

      Fala Thiago! A gastronomia do Espírito Santo é farta e muito boa! E lá é um local de belezas incomparáveis! Quando puder, coloque o estado em sua lista de viagens! 😉

      Resposta
  • 12 de dezembro de 2017 em 08:59
    Permalink

    Eu quero participar do próximo pocando. Acho tão legallll. Sem contar que sou louca para conhece o ES. Vi que você curtiram muito, que massa. Valeu pelas dicas

    Resposta
    • 16 de dezembro de 2017 em 23:01
      Permalink

      Oi oi Angela! O Pocando realmente foi muito legal! Nosso queridos organizadores capricharam! Recomendo a todos participarem. 😉

      Resposta
  • Pingback: O que fazer no litoral norte do Espírito Santo em um fim de semana

  • 9 de novembro de 2017 em 10:47
    Permalink

    Amei o relato! Como você é quase capixaba também, sinta-se a vontade para voltar muito mais vezes e explorar outros cantinhos legais! 🙂
    E sim, todo mundo precisa conhecer o ES ❤️

    Resposta
    • 9 de novembro de 2017 em 11:28
      Permalink

      Volto. Volto sim, volto sempre!! <3
      Temos muito o que explorar por aí ainda! Se nossos planos derem certo, passaremos um bom tempo conhecendo tudo (ou quase tudo)! #sonho

      Beijos benzinho, até breve!

      Resposta
  • 9 de novembro de 2017 em 10:12
    Permalink

    Demais o seu texto! Gostei muito do parágrafo inicial, o Brasil precisa conhecer e explorar esse grande potencial chamado Espírito Santo! E claro, foi um prazer imenso conhecer vocês!

    Resposta
    • 9 de novembro de 2017 em 10:26
      Permalink

      Carlos, obrigada!! 🙂

      Sim, o Brasil precisa conhecer esse estado lindo! E esse povo super simpático, nativo dele… 😉
      O brasileiro fica muito preso aos mesmos pontos, “famosos” – e por muitas vezes caros.

      Valeu pelo recado…e foi um prazer enorme estar com vc tbm, e cada um do encontro de Blogueiros!

      Abração!

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *